Tudo que você precisa saber para não confundir mais

Muita gente confunde, mas, a partir de hoje, você saberá exatamente a diferença entre alergia alimentar e intolerância alimentar. 

São problemas aparentemente semelhantes, mas que têm causas completamente diferentes, explica o alergista e imunologista da Alergoclínica, Dr. Luiz Melo. 

Intolerância alimentar 

Intolerância alimentar ocorre quando existe o corpo não produz ou produz em quantidade insuficiente a enzima para digerir aquele alimento. 

No caso da intolerância à lactose, por exemplo, o corpo produz pouco ou nada a enzima responsável por quebrar o açúcar do leite (lactose).

Sem a enzima ou com quantidade baixa, nada do alimento é aproveitado no tubo digestivo e a pessoa se sente mal ao comer. 

Os sintomas mais comuns são dores abdominais, diarreia, gases e abdômen distendido.

“Muitas pessoas, só de fazerem a ingestão da lactase em comprimido, suplementando a produção do corpo, conseguem se alimentar normalmente”, explica Dr. Luiz Melo.

Alergia alimentar 

Já a alergia alimentar, no caso do nosso exemplo a alergia à proteína do leite de vaca, é mais grave e desencadeada por proteínas. 

O corpo reage sempre que tem contato com aquele alimento. 

Os sintomas vão desde placas vermelhas com coceira pelo corpo até inchaço dos lábios e olhos, vômitos, diarreia e anafilaxia. 

“Nesses casos, como com outras alergias, o ideal é evitar o alimento. Mas há tratamento para esse tipo de alergia alimentar”, completa o alergista.

Saber a diferença entre alergia alimentar e intolerância alimentar e identificar qual é o seu caso é importante para a sua saúde. 

Procure um médico alergista e busque tratamento. 

Entre em contato conosco!

Acompanhe a Alergoclínica no Instagram!

WhatsApp chat