Vermelhidão, inchaço, coceira e sensação de queimação na pele da face podem indicar uma alergia no rosto. Geralmente o problema está associado a uma dermatite de contato, alergia alimentar ou ainda medicamentosa.

Veja quais são as principais causas do surgimento de alergia no rosto:

Urticária coligérnica

Mais comum em adolescentes, a urticária coligérnica é popularmente conhecida como alergia ao suor. As reações surgem após o aumento da temperatura corporal. Esse aquecimento pode ser tanto por atividade física, como por questões emocionais.

Além disso, a produção excessiva de suor também pode provocar reações. Entre os sintomas da urticária coligérnica estão pequenas bolinhas com um círculo vermelho ao redor.

A vermelhidão e a coceira na pele também aparecem e não apenas no rosto. Pescoço e tórax também são atingidos e a reação pode se espalhar por todo o corpo. Em alguns casos, o paciente tem salivação excessiva, olhos lacrimejando e diarreia.

Compressa de água gelada na pele podem ajudar a aliviar os sintomas. Mas é de extrema importância procurar um médico alergista para tratamento.

Alergia Alimentar

Entre os principais problemas ligados à alergia no rosto, está a ingestão de alimentos. A alergia alimentar afeta entre 6% a 8% das crianças com menos de três anos de idade e até 3% dos adultos. 

Os sintomas vão desde placas vermelhas com coceira no rosto e corpo até inchaço dos lábios e olhos. Geralmente, alimentos como leite, frutos do mar e amendoim são as principais causas.

Identificado o alimento, o ideal é evitar a ingestão. No entanto, em alguns casos, há tratamento para a alergia alimentar.

Alergia medicamentosa

A alergia a medicamento pode ser desencadeada por um componente específico ou um grupo de medicamentos. Qualquer medicação pode induzir uma alergia medicamentosa. No entanto, os casos são mais prováveis com certos medicamentos.

É o caso da aspirina, antibióticos e penicilina. Eles podem provocar o surgimento de reações alérgicas, inclusive a alergia no rosto, com sinais como vermelhidão e coceira da pele da face.

Dermatite de contato

Na dermatite de contato ocorre uma reação inflamatória quando determinada substância entra em contato com a pele do rosto. Entre os sinais estão pequenas bolhas que deixam a pele vermelha, causam coceira e, depois podem descamar a pele.

Pode acontecer tanto em bebês, como em adultos e geralmente é provocada por perfume, hidratante, sabonete, látex ou bijuterias. A alergia não se limita ao rosto. As reações aparecem principalmente na região de contato com o produto, mas podem se estender.

Dermatite atópica

É uma doença crônica que tem caráter hereditário e não é contagiosa. A maioria dos quadros aparece na infância, podendo persistir até a idade adulta.

Entre os sintomas estão o ressecamento excessivo da pele, coceira e descamação. Dependendo da idade, a alergia se manifesta ou não no rosto.

Em crianças pequenas geralmente atinge a face e membros. Já em crianças maiores e adultos as lesões atingem principalmente as áreas de dobras, como joelho e cotovelo.

Alergia ao sol

Pode parecer estranho, mas a alergia ao sol é uma realidade. Entre os principais sintomas estão vermelhidão, coceira, bolinhas brancas, sensibilidade e sensação de queimação.

Geralmente, a reação inflamatória se manifesta nas regiões mais expostas ao sol como o rosto, braços, mãos, região do colo.

A causa dessa alergia não é exata, mas acredita-se que ela ocorra porque o organismo reconhece as alterações provocadas pelo sol na pele como algo “estranho”. Desse modo, surge uma reação inflamatória.

Ainda tem dúvida sobre o que causa a alergia no seu rosto? Entre em contato e marque uma consulta.

Acompanhe a Alergoclínica também no Instagram!

WhatsApp chat